Por Márcia Martins / Assessoria de Gabinete

O deputado Romoaldo Júnior (MDB) apresentou hoje (20) em sessão virtual, um projeto de lei que reconhece a prática da atividade física como essencial durante prevenção ao Coronavírus (Covid-19) e propôs que os exercícios físicos voltem a ser praticados pela população mato-grossense, nos estabelecimentos prestadores de serviços destinados a essa finalidade, bem como nos espaços públicos, desde que sejam tomados os devidos cuidados de segurança, prevenção e combate a doença.

“Esse projeto reconhece a importância da prática da atividade física para a saúde do nosso corpo e da nossa mente, ainda mais num momento em que tanto precisamos estar conectados com os temas de saúde. O bom condicionamento físico está diretamente associado a melhor ativação do sistema imunológico em seres humanos”, disse o parlamentar ao defender que a prática de atividades ao ar livre que não levem a aglomerações, respeitando o distanciamento social, não aumentaria as chances de infecção pelo novo coronavírus, já que as evidências epidemiológicas dos últimos três meses em relação à covid-19 apontam que a transmissão se dá por meio de um contato mais próximo.

“Especialistas orientam que a distância de dois metros afaste em muito as chances de transmissão por gotículas. Então é só tomar os devidos cuidados e seguir a vida”, completou Romoaldo ao acrescentar que de acordo com o projeto, a adequação as normas técnicas sanitárias e de higiene estabelecidas pelo Governo do Estado, condicionando, entre outros, fatores como capacidade e limitação de atendimento nos estabelecimentos, agendamento, carga horária de funcionamento, são perfeitamente possíveis de ser atendida pelos estabelecimentos prestadores de serviços destinados a prática de atividades físicas.

Os correligionários, deputado Thiago Silva e deputada Janaína Riva deram total apoio ao projeto de Romoaldo. Janaína, inclusive parabenizou a iniciativa e informou que a sua equipe preparou um projeto semelhante. “Faço questão de ser coautora junto a esse projeto do deputado Romoaldo, para que as academias também sejam consideradas atividades essenciais. Parabéns deputado, esse projeto é muito importante”.

A prática periódica de atividades físicas e exercícios físicos ao ar livre, respeitadas as recomendações sanitárias, de higiene e convívio social pelas autoridades, é estimulada tanto pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como pelo Ministério da Saúde, basicamente porque o bom condicionamento físico está diretamente associado a melhor ativação do sistema imunológico dos seres humanos. . “É fundamental que o Estado garanta o acesso aos já consagrados benefícios da atividade física e do exercício físico para a saúde da população”, concluiu Romoaldo Júnior.

Mais informações:
Assessoria de Imprensa de Gabinete
(65) 99243-2021